Brasília com crianças: parques e parquinhos

Brasília é uma cidade bastante rica de espaços públicos, falta a nós aprendermos a usá-los e aproveitá-los melhor.

Parques, parquinhos, gramados, áreas públicas, pracinhas, são muitas as opções…

Essas são as nossas preferidas no dia a dia:

Parque Olhos d´Água:  esse parque entre as quadras 413 e a 414 da Asa Norte é de fácil acesso e uma ótima opção para um passeio com as crianças. Tem área verde extensa, é bem arborizado e com bastante sombra. Ao longo do parque, há banquinhos para sentar, descansar e aproveitar a vista. Tem gramado para fazer piquenique ou apenas para esticar uma tolha e brincar livre com os filhos. Há dois parquinhos com brinquedos de madeira que são muito interessantes: um deles é na areia e fica numa área com bastante sombra; o outro fica no meio das trilhas do parque, numa área também recheada de verde e sombra. Tem pista para corrida/caminhada, circuitos de exercício físico, trilhas, laguinho e muitos bichos passeando por ali. Há banheiros, bebedouros e duchas disponíveis para o público. Crianças e famílias são presença garantida. As meninas adoram brincar no parquinho e passear pelas trilhas! Pena que a correria do dia a dia não nos deixa aproveitar o lugar com uma freqüência maior. Ah, na entrada principal (há entradas laterais para a quadra residencial e a comercial que ficam ao lado), sempre há vendedores de água de côco, o que, com o calor que faz na cidade, é uma ótima pedida. O estacionamento próximo é limitado, mas é fácil estacionar o carro na quadra residencial em frente ou mesmo na comercial. Como a pista não é tão larga, é proibida a entrada de bicicletas para evitar acidentes com pedestres.

Parque da Cidade: esse é o legítimo e inconfundível parque da cidade. É o maior parque urbano em extensão não apenas de Brasília, mas do mundo todo (420 hectares de área). Fica na Asa Sul e tem uma área enorme e infinitos espaços para diferentes atividades: pista para caminhada/corrida, para andar bicicleta, skate, patins, quadras de esportes (vôlei, basquete, futebol), área de churrasqueiras, área de piquenique, pavilhão de exposições, parque de diversões, parquinho infantil de areia (o do lendário foguete!). Sempre há vendedores ambulantes de bebida, pipoca, frutas e outros, e também quiosques fixos que oferecem outras opções de alimentação. Banheiros, bebedouros e duchas para o público são encontrados em toda a extensão do parque (a manutenção de algum deles pode deixar a desejar). O parque também é espaço para muitos eventos aos finais de semana, grande parte direcionados ao público infantil. Vale a pena programar um dia por ali. As crianças vão amar e se divertir demais! O acesso é fácil e há muito estacionamento disponível.

Parquinho da SQN 111: essa quadra da Asa Norte tem um parquinho de areia muito bom, amplo, bem cuidado, com muitas opções de brinquedos para crianças maiores e menores. O local é todo na sombra das árvores, tem banquinhos nas laterais para os pais darem uma sentadinha básica e ainda campinho de grama próximo para variar a brincadeira.

Eixão entre a 14 e 15 norte: aos domingos, há infláveis e aluguel de diversos brinquedos para as crianças. Ali por perto fica também a área de skates. É cheio e animado! O ideal é chegar mais cedo para aproveitar porque não há tanta sombra e o sol pode castigar um pouco. Se puder levar bola, velotrol, triciclo, patinente ou outro brinquedo que as crianças gostem é ainda mais divertido. Senão, há pontos de aluguel de carrinhos, triciclos e bicicletas. Há também vários pontos de venda de água e água de côco pelo local. No gramado, dá para estender uma toalha ou canga e improvisar um descanso. O estacionamento pode ser difícil, mas uma possibilidade é procurar vagas nas quadras residenciais próximas (para atravessar a pista, procure a passarela mais próxima!). ou você pode aproveitar e ir de bicicleta!

Calçadão da Asa Norte: embora não tenha área muito ampla, tem um píer bem bacana que dá acesso ao lago e onde se pode alugar caiaque e pedalinho, fazer um passeio bacana e aproveitar o dia e a cidade de uma maneira diferente. Próximo do pier, há parquinho para as crianças e área de exercício para a terceira idade. O estacionamento próximo atende bem o público. (PS.: Não se compara com o Pontão do Lago Sul; são áreas totalmente distintas; talvez a única semelhança seja estar próximo ao Lago Paranoá (em eixos opostos. rs).

Pontão do Lago Sul: o Pontão no Lago Sul está  beira do Lago Paranoá e tem uma área privilegiada e repleta de atrações interessantes. Muito espaço e área verde, passeio à beira lago, píer, parquinho, banheiros públicos com boa estrutura, inclusive com banheiro infantil e fraldário, muitos restaurantes, bares e lanchonetes, incluindo pipoca, sorvete e água de coco, o suficiente para fazer as crianças bem felizes. rs É um ponto turístico importante na cidade e uma ótima opção de passeio para a família toda. Muitos eventos interessantes ocorrem ali, então vale a pena olhar a programação para saber o que acontece. É possível também fazer passeios de lancha ou barco pelo lago (consultar empresas que prestam o serviço!). Na outra margem do lago, está o Píer 21, onde um cineminha ou boliche pode fechar o programa com chave de ouro.

Parques Parquinhos

Parquinho da SQN 112: tem uma área bacana e bem dividida, com brinquedos, circuitos de atividades, areia e área verde para as crianças se divertirem. Os brinquedos atendem melhor crianças maiores, mas também há opções para os menorzinhos. Fica em uma área com um pouco de sombra, então pode ficar quente nos horários mais fortes do sol.

Parquinho da SQN 210: o parquinho dessa quadra foi recentemente revitalizado, reformado e teve a areia trocada, então está em ótimo estado para receber as crianças. Sua área é grande e toda cercada; há brinquedos para idades diferentes, atendendo tanto crianças mais velhas como as mais novas. Há pouca sombra dentro do parquinho, mas nas áreas próximas tem bastante lugar embaixo das árvores para dar uma fugida do sol. Ah, tem duas mesas de pingue-pongue bem ao lado!

Parque das Garças: área de preservação ambiental bem próxima ao lago Paranoá, ao final do Lago Norte, com bastante área verde e espaço ao ar livre. Reúne famílias com crianças e jovens que querem se refrescar no lago, pessoas com seus bichos de estimação e praticantes de SUP, canoagem e kitesurf, já que na margem do lago funciona a “Raia Norte Esportes”, que aluga o material e também oferece aulas das modalidade. Há pouca estrutura física, contando o local apenas com banheiro químico, por isso, é bom ir precavido.

 


Fotos: Acervo pessoal e Google

 

Anúncios

3 comentários sobre “Brasília com crianças: parques e parquinhos

Deixe aqui o seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s